Estrada dos Sonhos recebe manutenção e cascalhamento

A malha viária rural muito utilizada para escoamento da produção e também daqueles que residem ao longo da estrada, estava com seu leito carroçável danificado em alguns pontos precisando de manutenção.

Devido dificuldades financeiras que atravessou o país e consecutivamente as prefeituras, o serviço de manutenção da via pública ficou prejudicado, sendo que o setor precisou fazer algumas adaptações e listar as prioridades para atender a demanda.

Outra dificuldade do setor foi com a época de chuvas, que além de não permitir a realização dos trabalhos, colabora com a erosão e assoreamento de alguns trechos, prejudicando ainda mais o tráfego.

Nesta semana o setor de vias públicas deu início aos trabalhos de recuperação de estradas rurais, começando pela estrada dos Sonhos que liga a rodovia Mário Covas à região da fazenda do Estado, a qual tem uma extensão de três quilômetros.

Segundo o secretário de obras e vias públicas Odair Picoli, foi feito um trecho da via rural, com o nivelamento e cascalhamento do leito carroçável.

“Estamos ainda em época de muita chuva, então precisamos ser cautelosos na execução do serviço de manutenção para não perder o trabalho e consecutivamente o dinheiro investido”. Disse o secretário Odair Picoli.

Paranapanema é um município extremamente agrícola, o poder aquisitivo de maior expressão está na produção agrícola, possui dezenas de fazendas com larga produção de grãos, frutas e flores, por isso o trafego de veículos pesados é intenso na zona rural.

O município tem mais de 1.200 kms de estradas rurais, algumas construídas a dezenas de anos e não projetada para suportar o transporte de veículos pesados, como no caso de carretas e  treminhões, sendo assim, este se torna um dos problemas que prejudicam o leito carroçável das vias rurais.

Ao longo dos anos, com o crescimento e a diversificação da produção as estradas rurais precisam ser adaptadas para suportar os veículos modernos de transporte pesado, porém, a Prefeitura também tem que se adaptar para que possa investir mais no tráfego urbano, principalmente as vias rurais.

Com esta linha de pensamento, o prefeito Antonio Nakagawa vem junto com as secretarias envolvidas, ajustando-se nas inovações e buscando parcerias com a Codasp, para trazer o projeto Melhor Caminho em algumas estradas rurais para melhorar o tráfego.