Ir para o conteúdo

Prefeitura Municipal e os cookies: nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
ACEITAR
PERSONALIZAR
Política de Cookies e Privacidade
Personalize as suas preferências de cookies.

Clique aqui e consulte nossas políticas.
Cookies necessários
Cookies de estatísticas
SALVAR
Prefeitura Municipal
Acompanhe-nos:
Rede Social Prefeitura de Paranapanema - FACEBOOK
Rede Social Prefeitura de Paranapanema - INSTAGRAM
Galeria de Fotos
Em tempos de Pandemia, a Dengue também prolifera.
É um alerta, pois a Pandemia, depois que se instalou no mundo, acabou deixando algumas doenças em segundo plano.
A Dengue por exemplo, é uma doença que evolui também em época de Pandemia, por isso, os cuidados devem ser contínuos e até redobrados, já que a preocupação com a prevenção do Coronavírus, tirou o foco das orientações quanto a Dengue, Chicungunya e Zika.
Os casos de infecção do Aedes Aegypti, ainda são relevantes e se a atenção e cuidados não forem levados à sério, pode se tornar uma outra linha de contaminação descontrolada.
Para relembrar, vamos citar os cuidados básicos que devemos ter, principalmente em casa e nos locais de trabalho.
Qualquer recipiente que acumule água com facilidade, não pode ficar exposto ao tempo, até mesmo os materiais mais simples como uma tampinha de garrafa ou um pequeno copo descartável.
[caption id="attachment_28449" align="alignleft" width="780"] Exemplos do que deve ser observado para evitar a proliferação da Dengue[/caption]
As garrafas de vidro, que hoje são de pouco uso, costumeiramente ficam em engradados com a boca para cima, o que pode facilitar o acúmulo de água e virar um “berço” para a reprodução da larva do mosquito.
Outros recipientes como latas, latões, baldes, potes de plásticos, caixas de papelão, garrafas pet e uma infinidade de materiais, são considerados “ninhos” prediletos para a produção e proliferação do Aedes Aegyti.
Os pneus velhos e móveis velhos que muitas vezes são descartados incorretamente, são os vilões da criação do mosquito.
[caption id="attachment_28450" align="alignleft" width="780"] Os quintais devem estar sempre limpos, inclusive quem tiver piscina, deve cobrir com lona[/caption]
Em casa, os cuidados ainda são extensos aos vasos de plantas ornamentais que não devem ser apoiados nos tradicionais pratinhos de plásticos com água. Estes devem ser colocados areia úmida que vai beneficiar a planta com a água e evitar a reprodução do mosquito.
Nos ralos, recomenda-se sempre colocar uma colher de sabão em pó ou água sanitária. As calhas de escoamento de águas das chuvas, devem ser limpas e fiscalizadas de tempos em tempos.
[caption id="attachment_28453" align="alignleft" width="780"] Nos ralos, colocar água sanitária ou sabão em pó, sempre que lembrar[/caption]
Atrás da geladeira, costuma ter um recipiente que acumula o excesso de água do refrigerador, neste também deve ser colocado uma colher de sabão em pó ou água sanitária, mas o ideal é esgotar periodicamente.
[caption id="attachment_28454" align="alignleft" width="780"] A limpeza do recipiente coletor de água atrás da geladeira, deve ser periódica.[/caption]
O quintal de casa deve estar sempre limpo. Evitar armazenamento de madeiras, recipientes, móveis velhos, pneus velhos ou outros que acumulem água. Em caso de precisar guardar estes exemplos, deverá ser coberto com uma lona plástica, verificando se não deixará berços para o acumulo de água.
O cemitério é público, mas os túmulos, na maioria são particulares. A colocação de vasos com plantas ornamentais, são comuns, mas os cuidados devem ser regras: os vasos não podem ser abastecidos com água e sim terra, da mesma forma os pratos de apoio.
[caption id="attachment_28455" align="alignleft" width="780"] Flores artificiais devem ser observadas se não acumula água[/caption]
A flor artificial também pode conter água das chuvas, portanto, verifique os formatos, e em caso de ser fácil o acumulo de água, opte por outro tipo ou faça um furo onde a água pode parar.
Evite a construção de túmulos que possa acumular água na sua superfície. Faça a limpeza periodicamente, sempre jogando as flores murchas ou substituindo por artificiais.
Lembramos que a Prefeitura Municipal, através da Vigilância Epidemiológica, faz visitas periódicas em residências, prédios comerciais e públicos, mas a responsabilidade, também é sua.
Faça sua parte, não vamos permitir que a Dengue seja mais uma variante de infecção.
Notícias
22/02/2021
2 fotos
Seta
Versão do Sistema: 3.4.0 - 05/02/2024
Copyright Instar - 2006-2024. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia